terça-feira, 23 de novembro de 2010

O DIREITO

Imagem da WEB



Como um sopro entraste sem licença;
Me envolveu até a alma;
Inquietou;
Desacalmou;
Já fazes parte de mim e eu de ti;
Imagino nós, velhinhos, caminhando de mãos dadas;
Ao teu lado quero fazer justiça;
Proclamá-lo;
Em um grito incontido, proferir sentenças;
De felicidade;
De amor;
Com arte;
Com poesia;
Humana;
Popular!


Laís Teixeira

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Política do afeto


Encontro muito mais poÉTICO que político!

Eu e o LULA

"Não dá pra apagar o sonho, não dá pra para o tempo, não dá pra contar as estrelas que brilham no firmamento, não dá pra parar o rio, quando ele corre pro mar, não dá pra calar um Brasil quando ele quer cantar...LULA LÁ, BRILHA UMA ESTRELA!"